Notícias

A crise na Educação

A crise da Educação no Brasil é um projeto, dizia o grande educador Darcy Ribeiro. De fato, é uma luta que travamos desde quando eu era vereador e que continua aqui na Alerj. Levantamento mostra que dois milhões de alunos de 10.685 mil escolas públicas (3.347 estaduais e 7.338 municipais) no país estudam em escolas que não têm sequer água potável. É inaceitável! Dados do Censo Escolar de 2019 revelam ainda o fosso profundo entre recursos tecnológicos e a sala de aula. Apenas 17% das escolas municipais do país liberam internet para os alunos; 31% usam a rede para algum recurso pedagógico; e 29% têm redes sociais. Em nosso estado, metade dos alunos da rede pública não tem acesso à internet. Uma vergonha.

Um país em pandemia que vai completar dois meses sem ministro da Saúde – e está há 15 dias sem o da Educação (o quarto ministro em um ano e meio). Um presidente que, sempre que pode, desdenha da situação que vivemos e demonstra seu desprezo pela educação, entre outros temas relevantes. Lamentável.

Seguimos na luta, ao lado dos profissionais de educação, exatamente por uma educação pública de qualidade, gratuita e laica e que garanta segurança a todas e todos envolvidos no processo de aprendizagem da área educacional.

Leia mais

Esta notícia está também no Facebook do Eliomar

Esta entrada foi publicada em Direitos Humanos, Educação, Notícias, Politica, Política Nacional, Saneamento, Saúde, Servidores. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>