Notícias

Falta de qualificação técnica para conselho da Agetransp

Na sessão da Alerj desta quinta-feira (5/4), Eliomar criticou a falta de uma formação técnica mínima, pelo governo Pezão, na indicação de conselheiros para a Agetransp, agência reguladora dos transportes públicos do Estado do Rio de Janeiro, como metrô, barcas e trens, além da concessão de rodovia.

“O que acontece é que para ocupar a função que a pessoa se candidata tem que estar de acordo com, no mínimo, o conhecimento que essa pessoa possui. Quer dizer, nomear uma pessoa para uma agência reguladora, que tem um responsabilidade muito grande nos transportes públicos do Estado do Rio de Janeiro, sem essa pessoa sequer saber, ter conhecimento mínimo da matéria? Não é admissível de forma alguma!”, disse Eliomar.

O Ministério Público Estadual entrou com uma ação civil pública contra o governo do estado. Na ação, o MP diz que o Executivo indicou pessoas sem qualificação profissional para exercer o cargo de conselheiro do órgão. Desde dezembro, a agência funciona sem conselheiro.

Assista a fala de Eliomar no Plenário da Alerj

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>