Notícias

Água não é mercadoria

Diversas cidades no mundo, que privatizaram suas águas, retomaram o fornecimento.

Por quê? Manaus e Tocantins são exemplos nacionais da ineficiência da iniciativa privada em gerir o saneamento e o fornecimento nas cidades.

Não podemos permitir que as águas do estado sejam transformadas em mercadoria. A Cedae não pode ser privatizada.

Esta notícia está também no Facebook do Eliomar

Esta entrada foi publicada em Cidade, Habitação, Meio Ambiente, Notícias, Politica, Saneamento, Saúde, Servidores. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>