Notícias

Alerj mantém veto de governador contra servidores

Mais uma vez a base do governo na Alerj e seus aliados deram as costas para os servidores. Desta vez, foi na sessão de terça-feira (12/9), quando o PSOL tentou derrubar o veto de Pezão ao artigo 18 da Lei Orçamentária Anual, que dava prioridade ao pagamento de servidores (inclusive aposentados e pensionistas) no Orçamento de 2017. Com os 19 votos que seguiram a orientação do líder do governo, a decisão de Pezão contra os servidores foi mantida.  Eram necessária maioria simples, ou seja, 36 votos para derrubar o veto.

No total, 25 deputados votaram a favor da prioridade ao pagamento dos servidores. Como sempre, a orientação do líder do governo foi seca e vazia. Apenas disse ao microfone que o encaminhamento era NÃO, sem nenhum argumento que fundamentasse seu voto.

Num momento de novas e pesadas ameaças contra o servidor, é lamentável que deputados sejam contra a prioridade no pagamento para esses trabalhadores que estão há anos com salários congelados e atrasados. E que, com o “socorro” do governo de Temer ao governo estadual de Pezão, ambos do PMDB, vão ficar mais três anos sem receber qualquer recomposição de perdas salariais.

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>