Blog

Aprovação de projetos de lei questionáveis no apagar das luzes

Deu no programa de Ricardo Boechat na CBN: a Câmara Municipal aprovou, na última semana, projetos de leis que beneficiam particulares em detrimento do interesse da população. O mandato votou contra. Boechat enumerou as mudanças urbanísticas em Rio das Pedras, a permissão do prefeito nomear livremente conselheiro para o Tribunal de Contas do Município e a transformação da Ilha do Fundão em um “paraíso fiscal” a ser ocupado por empresas privadas.

Em Rio das Pedras, um projeto que cria Áreas de Especial Interesse Social – para construção de moradias de baixa renda – incluiu quatro glebas do empreiteiro Ronald Levinson Guimarães. Boechat questiona o por quê do Legislativo beneficiar um empresário do setor imobiliário – cujos investimentos visam ao lucro.

Outro projeto autoriza o prefeito a nomear mais um conselheiro sem o ritual de lista tríplice e aprovação, a priori, por parte do Ministério Público.

A Ilha do Fundão abrigará empresas de tecnologia que queiram se instalar lá. A primeira agraciada foi a GE que ganhou um terreno de R$ 30 milhões comprado do Exército que será doado pela prefeitura à empresa por 50 anos. Prevê, também, a instalação de um terminal pesqueiro e de estaleiros. Segundo Boechat, professores da universidade reclamam que o projeto é incompatível com a vocação de área tecnológica do Fundão e transformará a ilha em um lugar industrial. O prefeito havia acordado em retirar o projeto de pauta.

Ouça o comentário de Ricardo Boechat

Esta entrada foi publicada em Blog e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>