Rio - 9 de maio de 2012

Aprovado código de ética proposto pelo PSOL

Foi aprovado na Câmara dos Vereadores, em primeira discussão, o projeto de lei dos vereadores Eliomar Coelho e Paulo Pinheiro, ambos do PSOL, que cria normas de conduta para prefeito, vice-prefeito e secretários municipais. A publicação, na mídia eletrônica, de foto que mostra Sérgio Dias, secretário de Urbanismo de Eduardo Paes, ao lado do governador Sérgio Cabral e do ex-presidente da Delta, Fernando Cavendish, em Paris, serviu como defesa incontestável da proposta. O projeto tem como base os códigos de ética federal e estadual. Proíbe os representantes do Executivo de passar informações que constituam privilégio, de aceitar convites, receber presentes, transportes, hospedagem ou quaisquer outros favores e de prestar serviços mesmo fora do expediente. São regras que primam pelo bom senso mas, a julgar pelas denúncias no noticiário, não vêm sendo adotadas por alguns membros do Executivo.


Lume dos guardanapos
Na próxima sexta-feira (11/05), o PSOL/RJ programa um protesto original no tradicional encontro de prestação de contas dos parlamentares do Rio de Janeiro na Praça Mário Lago (Buraco do Lume), no Centro. O partido fará uma manifestação contra a farra, em Paris, que envolveu o governador Sérgio Cabral e um grupo animado que incluiu o ex-presidente da Delta, Fernando Cavendish, e o secretário municipal de Urbanismo. Se você também ficou indignado e quer protestar contra o forte indício de favorecimento de empreiteiras – só a Delta tem R$ 1,4 bilhão em contratos com Cabral – venha para o Lume, às 13h, com um guardanapo branco na cabeça.

Aliás, o Freixo quer saber…
Até agora, o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL/RJ) não recebeu resposta ao requerimento de informações que encaminhou ao governo pedindo detalhes sobre as viagens que Sérgio Cabral tem feito, com razoável frequência, ao exterior. Outros três parlamentares na Alerj também encaminharam requerimentos com o mesmo teor. Até o jornal Estado de S. Paulo protocolou pedido de informações, dirigido ao secretário da Casa Civil, Régis Fichtner para obter esclarecimentos sobre o mesmo assunto. O Estadão espera que o governador Sérgio Cabral esclareça todas as dúvidas que envolvem suas viagens a outros países.

Tráfego aéreo engarrafado
“O Heliponto da Lagoa é uma demonstração de falta de planejamento. A cidade tem vários espaços urbanos e físicos e não é possível que seja simplesmente autorizada uma atividade que causa perturbação aos moradores e também aos frequentadores da ciclovia. O mandato sempre lutou pela aprovação de um Plano Diretor eficiente que impediria atividades inapropriadas”, afirma Eliomar. O parlamentar participou da manifestação organizada por 20 associações de moradores, no último domingo (06/05) cuja finalidade foi cobrar mais fiscalização e regulamentação das rotas e altitude das aeronaves, que têm feito voos rasantes sobre as casas da favela Santa Marta, em Botafogo.

Educação não é mercadoria
“Contra a mercantilização da cultura” é o tema do debate que o Sepe (Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação) realizam no dia 12 de maio, sábado, a partir das 9h no auditório do ISERJ. Na mesa redonda estarão os professores Gilberto Souza (APEOESP/SP), Roberto Leher e Alessandra Nicodemos ( ambos da UFRJ). O evento marca o lançamento da Escola de Formação do sindicato que visa capacitar profissionais para o setor. É um sonho antigo de representantes do Sepe que acreditam que a formação teórica e prática é uma das principais tarefas da entidade. O ISERJ fica na Rua Mariz e Barros, 273, na Praça da Bandeira.

Pela valorização do Serviço Público e do servidor
Eliomar Coelho
“A prestação de serviços é a função central da administração municipal. Tratar bem o povo da cidade é garantir ao servidor público condições de trabalho e de vida condizentes com o exercício do seu papel junto à população. Nosso mandato defende os servidores do Rio diante dos ataques que sofrem no governo Eduardo Paes.” Leia editorial e íntegra do informativo com a prestação de contas das ações do mandato voltadas para o funcionalismo municipal

Código Florestal decepante e decepcionante
Chico Alencar
A proposta do Código Florestal apresentada pelo deputado Paulo Piau (PMDB/MG) é decepante e decepcionante porque Sua Excelência sempre proclamou “isenção”e “olhar técnico” sobre o projeto que veio do Senado. Ele não procedeu assim: atuou nas modificações propostas de acordo com os interesses do agronegócio. Aqui não se trata de um Código Florestal mas de um Código Facilitador das grandes atividades econômicas no campo brasileiro.” Leia na íntegra o artigo

Práxis política
Uma análise política da atual conjuntura é o objetivo do debate “Esquerda para o capital, Direita para Social e nova pedagodia da hegemonia” que acontece no próximo dia 28 de maio, segunda-feira, às 10h, no auditório do Serviço Social da UFRJ, no campus da Praia Vermelha. Participam Eurelino Coelho (UEFS), André Martins (UFJF) e Lúcia Neves, do Coletivo de Estudos de Política Educacional.

Instantâneos do mundo contemporâneo
Cento e setenta fotos de 57 fotógrafos compõem a mostra internacional World Press Photo 2012 que fica em cartaz até o dia 03 de junho na Caixa Cutlural Rio, na Avenida Almirante Barroso, 25, Centro. Participaram do concurso internacional 5.247 profissionais de 124 países. Um total de 101.254 imagens foram avaliadas por um júri de 19 fotógrafos reunido em Amsterdã, Holanda. A foto acima, do russo Yuri Kozyrev, ganhou o 1° lugar na categoria “Notícias em destaque” e mostra a resistência de rebeldes contra o líder líbio Muamar Kadafi, que só arrefeceu quando aviões e tanques do ditador retomaram o que se chamava Líbia Livre.

Rio antigo
Copacabana antes do calçadão com dezenas de mansões pé na areia