Blog

PSOL vota contra, mas Alerj aprova contas de Cabral e Pezão

Votamos contra as contas do governo Sérgio Cabral e Pezão de 2014, seguindo o relatório dos técnicos do TCE que identificou uma série de ilegalidades.

Entre as irregularidades, Cabral e Pezão desviaram dinheiro destinado exclusivamente a melhorias nos transportes e na mobilidade urbana e pagaram dívidas. E esse dinheiro destinado à mobilidade já era fruto de empréstimos. Logo, o governo usou dinheiro de empréstimos para pagar dívidas antigas, em vez de investir em políticas públicas. Leia Mais

Além disso, Cabral e Pezão investiram apenas o mínimo constitucional em educação. No caso da saúde, fizeram uma manobra contábil para alcançar o mínimo exigido. É lastimável que um governo invista apenas o mínimo em políticas públicas tão essenciais. Já para os empreiteiros, o dinheiro nunca falta…

Não é passando a mão na cabeça dos erros e mais erros que são listados que vamos contribuir para melhorar. O alerta que estamos fazendo é para que exista seriedade nas contas administradas pelo governo.

Por isso, votamos contra as contas. Infelizmente, além da bancada do PSOL apenas outros três deputados também votaram contra.

Assista ao vídeo

 

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>