Rio - 6 de junho de 2012

Convenção do PSOL é dia 11/06

O PSOL faz a convenção eleitoral do município do Rio de Janeiro na próxima segunda-feira, 11/06, no Salão Nobre da Câmara Municipal, a partir de 11h. Serão homologadas as candidaturas do deputado estadual Marcelo Freixo a prefeito, e de Marcelo Yuka a vice-prefeito. Também serão homologadas as candidaturas a vereador.

Isenção concedida à CSA é inconstitucional
Ontem, 05 de junho – Dia Mundial do Meio Ambiente – o PSOL entrou com ação direta de inconstitucionalidade junto ao Supremo Tribunal Federal contra a lei estadual que concedeu benefícios fiscais à CSA. Na ADI, o partido assinala que a siderúrgica deixou de gastar R$ 552 milhões em impostos entre 2007 e 2010. Marcelo Freixo explica que o governo burlou a lei para garantir o benefício descrevendo a medida como cobrança diferenciada quando, de fato, isentou a empresa dos tributos. Ao lançar mão do artifício, o governo deixou de realizar convênios obrigatórios em casos de isenção de ICMS. Freixo destaca que a lei 4529 também concedeu R$ 200 milhões em isenções fiscais à CSA. O mandato Eliomar Coelho entregará Medalha Pedro Ernesto aos três pesquisadores processados pela companhia porque denunciaram danos ao meio ambiente e à população de Santa Cruz, o pneumologista Hermano Albuquerque de Castro e o engenheiro sanitarista Alexandre Pessoa Dias, ambos da Fiocruz, e a biológa Mônica Lima, da Uerj.

O encontro paralelo

No próximo dia 20 de junho – Dia de Mobilização Global – acontece a grande marcha da Cúpula dos Povos, encontro paralelo à Rio+20, organizado pela sociedade civil, que ocupará o Aterro do Flamengo entre os dias 15 e 23 de junho. O movimento realiza mais uma plenária na próxima segunda-feira (11/06), às 18 horas, no SENGE, na Avenida Rio Branco, 277, 17°andar.

Estranha prioridade
Eliomar Coelho
“A propaganda oficial de governo teve um estrondoso incremento entre 2009 e 2011. O contrato de duração de dois anos assinado em abril de 2010, originalmente no valor de R$ 120 milhões, sofreu aditivo de 25% (o máximo permitido). Com essa alteração contratual, mais de R$ 30 milhões foram acrescidos (sobras financeiras de 2010) ao orçamento de 2011 para este tipo de atividade. Estranha prioridade.” Leia artigo na íntegra

Um foco sobre a internação compulsória
Audiência Pública da Comissão de Direitos Humanos da Alerj sobre internação compulsória de usuários de crack abordará as condições da política de combate ao consumo da droga, anunciada pelo governo federal, na cidade do Rio de Janeiro. Na ocasião, será apresentado relatório de visitas dos abrigos para dependentes. Foram convidados representantes do Ministério Público Estadual, da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro, a juíza da 1ª Vara da Infância, Juventude e Idoso e o secretário municipal de Assistência Social. Será no auditório B6 do prédio Frings, da PUC, que fica na Rua Marques de São Vicente, n° 225, Gávea.

Xingu+23
Entre os dias 13 e 17 de junho, acontece o Xingu+23. Pescadores, ribeirinhos, pequenos agricultores, indígenas, movimentos sociais e ativistas realizarão o encontro em Altamira, uma das cidades mais impactadas pela Usina Hidrelétrica de Belo Monte, para reafirmar que a construção não é fato consumado. Quem quiser, pode contribuir até o dia 17/06 através da página Doe para o Xingu+23.

Cinema verde I
No próximo domingo (10/06), às 9h, o deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL) participa de debate ao final da exibição do filme “A última hora”, dentro do projeto “Domingo é Dia de Cinema”. O documentário aborda como vivemos e o impacto que provocamos sobre o ecossistema. O professor Carlos Walter Porto Gonçalves estará na mesa redonda que discutirá temas relacionados à Cupula dos Povos. O evento é no Odeon, que fica na Cinelândia, de onde partirá a bicicletada “A natureza não é mercadoria”, às 13h, em direção ao Aterro do Flamengo. É um protesto contra as agressões ao meio ambiente.

Cinema verde II

O que está por trás de produtos como a carne, o couro e a madeira exótica? A resposta está no documentário francês “Alma” (foto) – um olhar sobre a Amazônia e as indústrias que destroem a floresta. O filme é um dos 20 títulos da mostra “Social em Movimentos – Rio+20” que aborda as temáticas “Nossa Água, “Nossa Comida”, “Nosso Consumo” e “Nosso Clima”. O festival vai de 13 a 17 de junho, na Caixa Cultural Rio que fica na Avenida Almirante Barroso, 25, no Centro.

Rio antigo
Quando o edifício “A Noite”, na Praça Mauá, era o único espigão na Avenida Rio Branco e na Zona Portuária