Educação: todo apoio aos profissionais do Rio de Janeiro

Nosso mandato participou hoje (16/09) de assembleia e manifestação organizadas pelos profissionais de educação da rede estadual de ensino.

Antes, porém, é necessário relembrar aqui que, desde o início da atual legislatura, Eliomar vem denunciando o total estado de abandono e sucateamento por que passa a educação pública em nosso estado, resultado de uma sistemática política de redução de investimentos em áreas prioritárias como educação e saúde públicas.

O ano de 2015 começa com indicadores há muito conhecidos:

- Déficit de professores e funcionários, merenda, materiais pedagógicos e de limpeza insuficientes, turmas superlotadas, infraestrutura precária na maioria das escolas, atraso no pagamento de funcionários terceirizados da UERJ e precarização e sucateamento da universidade, entre muitos outros problemasEm nome da “crise econômica”, o governador Pezão alega não ter condições de cumprir com o dever político de reajustar os salários dos professores, funcionários e aposentados.

Ao mesmo tempo, verbas públicas para patrocinar “Megaeventos” (Copa do Mundo da FIFA/2014 e Olimpíadas/2016), não faltam.

Dado interessante a ser observado é que a arrecadação tributária do governo estadual, em julho de 2015, cresceu 18,40 % em relação ao mesmo período de 2014. Ao mesmo tempo, em relação à receita corrente líquida de despesa com pessoal, o governador aplicou apenas 32,46%. Entre os anos de2010 a2013, este índice ficou sempre abaixo dos 30%, gerando economia de cerca de 8 bilhões de reais que poderia ser revertida em reajuste salarial para todo o funcionalismo (ativos e aposentados).

Nosso mandato considera a proposta de “ZERO%” de reajuste para os profissionais de educação mais um ataque a educação pública no nosso estado e não podemos aceitar essa situação.

Estaremos juntos com os profissionais de educação, lutando por condições dignas de trabalho, pela valorização profissional e por uma escola pública de qualidade e democrática.

 

 

 

 

Esta entrada foi publicada em Educação. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>