Notícias

Eliomar participa de protesto por maior fiscalização de voos de helicópteros

O excessivo número de voos de helicópteros que partem do Heliponto da Lagoa motivou mais uma manifestação organizada, ontem (06/05), por 20 associações de moradores. O vereador Eliomar Coelho participou do protesto cuja finalidade foi cobrar mais fiscalização e regulamentação das rotas e altitude das aeronaves.

Um abaixo-assinado do movimento será encaminhado ao Ministério do Meio Ambiente, ao Ministério Público estadual e à Agência Nacional de Aviação Civil.

Além do aumento de barulho nos bairros que são sobreavoados pelos helicópteros, os pousos e decolagens do Heliponto obrigam o fechamento constante da ciclovia. Os voos que partem do Mirante Dona Marta têm assustado moradores da favela Santa Marta que convivem com rasantes de aeronaves voando muito próximas as casas.

- O Heliponto é uma demonstração de falta de planejamento. A cidade tem vários espaços urbanos e físicos e não é possível simplesmente ser autorizada atividade que causa perturbação aos moradores e frequentadores da ciclovia. Em zonas residenciais, há um limite fixado em relação aos décibeis. Se este limite é ultrapassado, moradores sofrem com problemas auditivos e de sistema nervoso, por exemplo. O mandato sempre lutou pela aprovação de um Plano Diretor que impediria autorizações inapropriadas como a do Heliponto – afirmou Eliomar Coelho.

Em fevereiro, o funcionamento do Heliponto foi tema da seção “Opine”.

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

3 respostas a Eliomar participa de protesto por maior fiscalização de voos de helicópteros

  1. J.C.Cardoso disse:

    Eliomar.
    Não ando de helicóptero, morro de medo e mesmo sem medo, não teria dinheiro para bancar.
    De qualquer forma, apoio o uso. É menos um carro andando pelas ruas já congestionadas da cidade. Qualquer alternativa (metrô, trem e até helicóptero) que “esvazie” esse fluxo deveria ser bem-vinda.
    Temos que pensar na coletividade, no todo, no Rio e não como algumas associações que só olham o próprio umbigo.

    • Eliomar Coelho disse:

      Caro João,

      Com todo aumento de tráfego aéreo, este meio de transporte sempre será restrito a uma elite. Sinceramente, somente transporte de massa eficiente pode resolver o problema do trânsito da cidade. Se temos tantos carros nas ruas é porque nosso transporte não atende aos moradores. Muitos preferem usar seus próprios veículos a penar no Metró, trens e ônibus. A meu ver, um Heliponto praticamente dentro de uma ciclovia não me parece que está no lugar mais adequado. E os voos rasantes podem ser evitados se houver uma regulamentação da atividade com fiscalização efetiva. Se há excesso e risco, é necessário ordenamento.

      Abs,
      Eliomar

  2. J.C.Cardoso disse:

    Acrescentando: o rasante nas casas não é culpa do helicóptero, mas de imperícia do piloto. É como se proibir carros nas ruas por ter algunas motoristas que desrespeitam o código de trânisto…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>