Notícias

Eliomar pede CPI da Ciclovia

Para investigar o porquê do alto custo da ciclovia de R$ 20 milhões inaugurada na Zona Oeste pela prefeitura, o vereador Eliomar Coelho deu entrada em requerimento, junto à Mesa Diretora da Câmara Municipal, pedindo a instalação de uma CPI. A obra, com preço de rodovia, é alvo de investigação do Ministério Público estadual e já apresenta rachaduras. São necessárias 17 assinaturas para que a CPI seja instalada.

- Precisamos apurar com rigor casos como esse. Caso contrário, a construção de uma simples sala, pela prefeitura, pode acabar custando o preço de um edifiício. Uma ciclovia custar R$ 20 milhões é imoral. É um assalto aos cofres públicos. Como engenheiro civil, nunca vi um absurdo como este – afirmou Eliomar.

Segundo o Ministério Público, o fato do valor da obra ser semelhante ao de uma construção de estrada pode indicar que houve superfaturamento. De acordo com reportagem publicada no jornal O Globo, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) calculou que “o valor de um quilômetro da ciclovia seria suficiente para implantar 500 metros de uma rodovia de pista simples”.

A ciclovia apresenta falhas como postes e orelhões no meio do caminho, desníveis que retém água empoçada e trechos muito estreitos. Até mesmo o prefeito pediu uma avaliação da pista à secretaria de Meio Ambiente adiantando que os erros de execução terão que ser corrigidos.

- Existem duas questões. A primeira é o superfaturamento. A segunda é o tratamento dado pela prefeitura à demanda de população mais simples. Os problemas na obra mostram que foi mal executada e feita sem prlanejamento, um desleixo total. É um caso de polícia – vaticina Eliomar.

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>