Notícias

Empresas de transporte superestimam número de passageiros de ônibus

O tema das fraudes do Bilhete Único, e da caixa-preta do setor de transportes, está voltando as pautas dos jornais.

E cada vez mais fica claro que o governador e o secretário de Transportes atuam como advogados de defesa dos empresários de ônibus e dos outros modais.

Nos últimos 5 anos, o governo repassou mais de R$ 2 bilhões, correspondentes a subsídios de usuários que usam a segunda perna do Bilhete Único.

Com base em relatório do TCE, esse valor pode chegar a ser 19 vezes maior do que as empresas realmente deveriam receber.

Exatamente o que a gente diz há muito tempo, que a fraude é dos empresários que, inclusive, controlam esse sistema.

Mas o governador Pezão e o secretário Osório acham isso normal e dizem que não tem como controlar. Para piorar, a única solução até agora encontrada por eles foi criminalizar os usuários, colocando a biometria nos ônibus.

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>