Blog

Apesar de governador dar a palavra que não haveria desconto, servidores têm ponto cortado

O governador em exercício no Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, prometeu que não haveria corte nos salários dos grevistas, pois o movimento é mais do que justo, uma vez que os servidores não estão recebendo salários e há dois anos não recebem reajuste salarial.

Mas, na realidade, alguns servidores, como da Faetec, receberam seus contracheques com descontos pelos dias que estão em greve. Na secretaria de Fazenda, as ameaças por parte do secretário estão cada vez mais constantes. Na Fundação Cecierj, também já recebemos relatos de corte nos salários.

Ninguém sabe de quem foi a ordem para o corte nos salários.

Este é o retrato dessa gestão desastrosa do Rio de Janeiro!

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>