Notícias

Leis aprovadas para combater pandemia têm que sair do papel

Na primeira sessão da Alerj de 2021, realizada nesta quarta (3/2), Eliomar fez um balanço sobre a produção legislativa de 2020 e cobrou que medidas, inclusive leis aprovadas e sancionadas pelo governo estadual, saiam do papel e passem a valer.

“Produziu-se muito de elaboração legislativa, entretanto pouco do que foi produzido pela Assembleia Legislativa teve, na prática, a ação do Poder Executivo. Todo o esforço exercido por nós, à medida que o Executivo não responda com uma ação concreta, isso daí significa praticamente não adiantar nada. Para exatamente você barrar o avanço da pandemia, é preciso que haja planejamento das ações do Executivo. O isolamento social significa que você deixa de exercer aquela atividade que é garantidora da sua subsistência e de sua família. Então automaticamente aí tem que chegar o socorro do Estado, quer seja em nível federal, estadual e municipal. E isso não está acontecendo, principalmente nas comunidades pobres do Rio de Janeiro”, disse Eliomar, que acrescentou a importância de uma análise sobre o que está acontecendo, o porquê e seus resultados, elementos necessários para enfrentar e vencer essa pandemia.

Para assistir a fala de Eliomar, basta clicar aqui

Esta postagem está também no Facebook do Eliomar

Esta entrada foi publicada em cidadania, Cidade, Cultura, Habitação, Leis e Projetos, Meio Ambiente, Na Mídia, Notícias, Orçamento, Plano Diretor, Politica, Política Nacional, Saneamento, Saúde, Servidores, Transportes. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>