Notícias

Estado contrata empresa proibida de participar de licitação

O governo Witzel não aprende com os próprios erros.

Depois de contratar a Iabas, empresa envolvida em escândalos no município do Rio, a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), que responde ao governo do estado, fechou dois contratos, que somam mais de R$ 1,4 milhão, com a Olímpica Comércios e Serviços Alimentícios Ltda. Detalhe: a empresa está proibida de participar de licitações e de contratos com estados, municípios, Distrito Federal e União.

Mas se não pode contratar por licitação, então como é que faz? Simples. Dispensa a licitação e contrata a empresa ignorando as proibições impostas a ela.

Leia mais

Esta notícia está também no Facebook do Eliomar

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>