Blog

Pesquisa: de quem é a culpa pelo mau rendimento dos alunos da rede pública?

É fato que a qualidade da educação pública vem decaindo nos últimos 20 anos. Má remuneração dos professores, estrutura precária nas escolas, total desrespeito à autonomia pedagógica das unidades e seus professores, rebaixamento dos currículos escolares… Qual a causa? De acordo com um levantamento do Movimento Todos Pela Educação, feito junto a professores da rede pública, os pais seriam os maiores responsáveis pelo mau rendimento dos alunos. Você concorda?

Há dois anos atrás, publicamos no Blog do Eliomar” pesquisa sobre o assunto. Na época, a secretaria municipal de Educação publicara levantamento que atribuía o desinteresse dos alunos à falta de participação da família na vida escolar.O universo pesquisado representava aproximadamente 10% do efetivo de professores da rede municipal. Será que refletiu o pensamento do conjunto do magistério público municipal? Abaixo, republicamos os itens da pesquisa e abrimos de novo a discussão: qual o maior problema da rede municipal?

- Causou-me estranheza o fato de professores da escola pública culpabilizarem os pais pela má aprendizagem de nossas crianças, quando na realidade os governantes que administram essas escolas não investem nelas como deveriam: faltam professores, as salas de aula são mal conservadas, com quadros quebrados, há carência enorme de funcionários. Será mesmo culpa exclusiva da família? Não se fala em plano de carreira nem em melhoria salarial para os docentes, as escolas apresentam péssima infraestrutura, além da quebra da autonomia pedagógica do professor através de avaliações externas que servem apenas para produzir índices maquiados de uma falsa melhora em nosso caótico sistema educacional – opina Marcelo Sant’Anna – diretor do Sepe (Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação).

Se consideramos que muitos pais têm baixo nível de escolaridade – sem contar os analfabetos – e/ou encontram-se em condições sócio-econômicas desfavoráveis, como a família poderá dar este respaldo? Não cabe também à escola encontrar meios para estimular os alunos? Mas será que o ensino público – leia-se aí professores e escolas – recebe estímulo suficiente para suprir a carência de seus estudantes? E os governantes, têm cumprido com a obrigação constitucional de investir pelo menos os 25% de recursos públicos em educação? Não é o que acontece, por exemplo, no município do Rio de Janeiro.

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas a Pesquisa: de quem é a culpa pelo mau rendimento dos alunos da rede pública?

  1. Ilza Helena Teles disse:

    Acho que é um conjunto de fatores, mas o principal é a falta de investimentos e a desvalorização profissional.

    • Eliomar Coelho disse:

      Cara Ilza,

      Também concordo que é um conjunto de fatores, que têm, entre suas determinantes, os baixos salários como um dos maiores agravantes da situação de crise e queda na qualidade do ensino público.

      Abs,
      Eliomar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>