Notícias

Não ao Pacote de Maldades do PMDB de Pezão e de seu vice, Dornelles

A Alerj foi ocupada nesta terça-feira por milhares de servidores, principalmente da área da segurança pública, por causa do pacote de maldades enviado pelo governador Pezão, apoiado pelo seu vice, Dornelles.

A Alerj foi ocupada ontem (8/11) por milhares de servidores, principalmente da segurança pública, por causa do pacote de maldades enviado pelo governador Pezão.

São 22 projetos que visam a aumentar impostos para a população; confiscam 30% dos salários dos aposentados; sobe a taxação sobre o salário dos servidores; e acabam com qualquer perspectiva de reajuste salarial. Também pune o trabalhador de forma brutal  ao estabelecer um teto de R$ 150,00 mensais para o subsídio estadual ao Bilhete Único intermunicipal, além de acabar com projetos sociais, entre outros absurdos.

É lamentável a posição do presidente da Alerj, e do PMDB, Jorge Picciani, que só joga para aumentar ainda mais a crise e a revolta da população ao sair anunciando que vai aprovar o pacote de maldades de qualquer maneira. E mesmo com a justa revolta da população, Picciani lançou nota hoje dizendo que os projetos irão ao Plenário a partir do dia 16.

Picciani já “adianta” o número de deputados que votarão a favor. Segundo ele, cerca de 40 a 50 deputados serão a favor dos projetos, e que o PSOL será contra. Nisso ele tem razão, é bom dizer.

A pressão da população e dos servidores tem que ser constante para evitar que a conta seja paga por eles, que não contribuíram em nada com esta situação.

A culpa, todos sabemos, é do Cabral, Pezão, Dornelles, seus aliados e a política desastrosa que eles fizeram de isenções fiscais e acordos e bandalheiras com empreiteiras e grandes empresários.

O PSOL diz não ao pacote de maldades!

Assista ao vídeo em que Eliomar fala sobre tudo isso

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>