Notícias

Nota de repúdio de professores da Uerj

Professores da Uerj repudiam em nota a conduta violenta de deputados do PSL que participaram da audiência pública sobre cotas raciais, realizada por cinco comissões permanentes da Alerj no último dia 10, na capela ecumênica da universidade.

“Os deputados Rodrigo Amorim e Alexandre Knoploch e seus assessores não vieram à universidade para debater, mas para interditar e inviabilizar a Audiência Pública convocada por várias Comissões da ALERJ, como o atestam as seguintes atitudes: dar socos na mesa; constranger a represente da Reitoria, a Sub-reitora de Graduação da UERJ; referir-se a um estudante negro como “macaco”; fazer sinais de uso de armas para o público; e para coroar as provocações, mesmo sob a defesa de duas linhas de professores e estudantes que os defendiam do público indignado com o que viram e escutaram, dar um soco num rapaz e uma coronhada em outro, para o qual foi necessário chamar uma ambulância”, diz a nota.

 

 

 

 

 

 

 

 

Esta notícia está no Facebook do Eliomar 

Esta entrada foi publicada em Educação, Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>