Notícias

Piso salarial do Estado

A Alerj votou o reajuste do piso salarial do Estado, que significa o salário mínimo dos trabalhadores da iniciativa privada do Rio de Janeiro, na sessão desta terça (26). O governador Witzel, atendendo aos apelos da Firjan, mandou a criminosa proposta de que o piso atual fosse congelado por 2 anos, sem levar em conta sequer os reajustes inflacionários.

Os deputados rejeitaram a proposta e aprovaram o reajuste pelo índice mais baixo apresentado, a inflação nacional, que em 2018 foi de 3,75%.

O PSOL entendeu que o mínimo que deveria ser dado aos trabalhadores era a recomposição da inflação do Estado do Rio de Janeiro de 2018, que foi de 4,3%. Infelizmente a proposta do PSOL foi derrotada por 53 votos a 6 e, assim, os trabalhadores do Rio de Janeiro terão perdas salariais.

 

 

 

 

 

 

 

Esta notícia também está no Facebook do Eliomar

Esta entrada foi publicada em Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>