Notícias

Por 69 votos a 0, Alerj afasta Witzel do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Por 69 a 0, a Alerj acaba de afastar o governador Witzel e criará, em breve, junto com o Tribunal de Justiça, o Tribunal Misto para o julgamento final.

O Ex-Juiz, como ele gostava de ser chamado na campanha e até tentou que fosse seu nome na urna, é agora também Ex-Governador.

No seu discurso de defesa, Witzel chegou a dizer que nunca foi de extrema direita.

Ué, não foi com esse discurso e se escorando ao lado do bolsonarismo que ele se elegeu? Não foi quebrando a placa da Marielle junto com outros deputados da extrema direita que se tornou mais conhecido? Não foi pedindo tiro na cabecinha e criando escolas militares em vez de escolas com formação cidadã que ele governou? Não foi abrindo as pernas do governo e se envolvendo com o empresariado mais atrasado e corrupto, ainda mais em tempos de pandemia?

O governador Witzel é afastado agora pela Alerj. As denúncias mais robustas sobre o caso começaram pelo blog do jornalista Rubem Berta, com um trabalho investigativo impecável. Na Alerj, as investigações foram tomadas por uma Comissão Especial para investigar os gastos na pandemia e, depois, a Comissão do Impeachment, concluindo pelo relatório que agora foi referendado por unanimidade do Plenário.

Witzel deixa de ser governador mas devemos lutar para que esse tipo de política não prospere no Rio de Janeiro. Por isso, vamos ficar de olhos bem abertos ao novo governo, que traz com ele toda a carga do seu antecessor.

Esta notícia está também no Facebook do Eliomar

Esta entrada foi publicada em Carnaval, cidadania, Cidade, Cultura, Direitos Humanos, Educação, Esportes, Meio Ambiente, Notícias, Politica, Política Nacional, Saneamento, Saúde, Servidores, Transportes, Tributação, Urbanismo. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>