Notícias

Por uma educação democrática, de qualidade, gratuita e laica

O Ministério Público suspendeu o início de aulas on-line na educação pública, medida anunciada pela SEEDUC, que ainda queria que as aulas virtuais fossem computadas como dias letivos nas escolas. A recomendação do MP foi anunciada depois de uma representação do companheiro Flavio Serafini, e da qual somamos forças, que exatamente pedia a suspensão de medidas que só criam mais dificuldades para alunos e profissionais da educação em nosso estado. Metade dos estudantes da rede pública estadual não tem acesso à internet. Impedidos de assistir às aulas on-line, significa que milhares de alunos seriam excluídos de um direito garantido pela constituição e que nós sempre defendemos, que é o direito à educação democrática, de qualidade, gratuita e laica.

Leia mais

Esta notícia está também no Facebook do Eliomar

Esta entrada foi publicada em Cultura, Educação, Notícias, Servidores. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>