Blog

Rio antigo: o desfile antes da era Sambódromo

Não faz muito tempo, todas as atenções no carnaval carioca convergiam para o desfile das Escolas de Samba. Antes da construção do Sambódromo, os passistas quase se misturavam ao público na Avenida Presidente Vargas. A foto abaixo, de 1964, mostra a evolução das baianas do Salgueiro com a Igreja da Candelária ao fundo. A ornamentação era instalada no chão, lado a lado com a platéia. Realizado desde 1932, o desfile ocupou diferentes ruas da cidade passando pela Praça Onze, Campo de Santana, e Avenida Rio Branco. Esta avenida abrigou o espetáculo até 1962 quando o desfile foi transferido para a Presidente Vargas.
Somente em 1973, o desfile foi transferido para a Avenida Antonio Carlos no sentido Praça XV – Avenida Beira-Mar. A foto abaixo, de 1974, é um registro da passagem da Escola Beija-Flor de Nilópolis. Em 1976, as arquibancadas foram montadas sobre o Mangue, na Avenida Presidente Vargas. Dois anos depois, o desfile foi, enfim, transferido para a Rua Marquês de Sapucaí. O monta-desmonta das arquibancadas foi o principal argumento para a construção do Sambódromo em 1984 – projeto modernoso do arquiteto Oscar Niemeyer. Entre aqueles que tiveram a chance de assistir ao desfile em outros palcos, há quem diga que o concreto da passarela do samba afastou o público do calor humano das escolas. Hoje, as escolas de samba disputam o troféu de carisma e popularidade com os blocos de rua – manifestação que cresce e se multiplica a cada ano, esbanjando espontaneidade, bom humor e …calor humano!

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>