Blog

Rio antigo: Palácio Guanabara, a casa da Princesa Izabel

Quem passa em frente ao Palácio Guanabara nota a bonita arquitetura mas talvez não tenha a lembrança, ou o conhecimento, que aquela residência imponente era a casa da Princesa Izabel e do Conde D’Eu. O mais curioso é o imbroglio judicial que envolve o imóvel que foi confiscado da Família Real quando foi proclamada a República em 15 de novembro de 1889. Em 1894, a princesa e o conde recorreram na Justiça para reaver a posse da nobre residência alegando que o confisco foi um “esbulho”. O Tribunal Regional Federal deu duas sentenças favoráveis à União e ao governo do estado. Mas houve recurso e até hoje o Supremo Tribunal Federal não encerrou a pendenga. Existe outra ação impetrada pelo neto da princesa, Pedro Henrique de Orleans e Bragança, em 1955, que pede a posse ou pagamento de indenização à Família Real. Especialista ouvido pelo jornal O Globo avalia o valor do imóvel em R$ 60 milhões. A foto acima mostra a construção de mais uma ala do palácio. A foto abaixo foi tirada em 1955, no jardim. Saiba mais

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas a Rio antigo: Palácio Guanabara, a casa da Princesa Izabel

  1. Pingback: Encontro nacional PSOL | Eliomar Coelho - PSOL - O vereador do Rio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>