Rio Antigo: Praia Vermelha

A Praia Vermelha, na Urca, é assim chamada porque, ao pôr do sol, a areia fica avermelhada por causa do reflexo da luz do Sol nos cristais vermelhos e rosas. Com apenas 200 metros de extensão, a praia fica entre o Morro da Urca e o Morro da Babilônia.

Inicialmente, o local foi usado como ponto estratégico para a defesa militar da cidade. Para isso, foi erguido um forte para proteger a praia e, consequentemente, evitar invasão pela Baía de Guanabara.

Em 1860, foi construída a sede da Escola Militar. Na frente da praia, o prédio formava uma parede alta que praticamente isolava a praia.

Em 1935, durante o episódio que entrou para a história como a Intentona Comunista, o prédio foi bombardeado, sendo posteriormente demolido.

Em 1938, a praia é aberta para uso do público em geral.

Dentre as construções importantes, destacam-se a Escola Superior de Guerra, encostada na Praia Vermelha, e o IME (Instituto Militar de Engenharia).

A praia é ladeada por duas fortalezas, atualmente ocupadas pelo Círculo Militar da Praia Vermelha e a escola municipal Gabriela Mistral.

Na praça General Tibúrcio, atrás da praia, foram erguidos dois monumentos: aos mortos na Intentona Comunista e aos heróis de Laguna e Dourados.

Na encosta do Pão de Açúcar, fica a pista Cláudio Coutinho, para corrida ou caminhada.

Foto: Augusto Malta / 1914

Esta entrada foi publicada em Rio Antigo. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>