Rio antigo: SOS Museu do Pontal

O Museu Casa do Pontal, no Recreio dos Bandeirantes, foi inundado pelas chuvas que desabaram sobre a cidade (dias 8 e 9 de abril). Maior acervo de arte popular do país, o museu sofreu a pior inundação da sua história! Como tantas outras, trata-se de uma tragédia anunciada! Mais de 300 obras foram retiradas das galerias, completamente alagadas. Outras 4.000 ocorrem risco de serem atingidas! O museu está instalado em um sítio de 5.000m2.

As inundações tiveram início após a construção de um condomínio perto do Museu, autorizado pela prefeitura, o que acabou colocando o terreno em alto risco de alagamento. Reconhecendo sua responsabilidade, a prefeitura cedeu um terreno na Barra da Tijuca e prometeu os recursos para a nova sede. Cumpriu? Não, claro! Pois é, passados 20 meses, a obra está parada! Com 70% dela pronta e faltando apenas cinco meses para terminar.

O acervo do museu — resultado de quarenta anos de pesquisas e viagens por todo o país do designer francês Jacques Van de Beuque — é composto por cerca de 8.500 peças de 300 artistas brasileiros, entre eles de mestre Vitalino, produzidas a partir do século XX. As temáticas abrangem atividades cotidianas, festivas, imaginárias e religiosas. Atualmente, ocupam 1.500 m2 de galerias.

Esse museu precisa ser salvo!

É muito importante a mobilização de todas e de todos para a prefeitura retomar e terminar as obras da nova sede!

 #salveomuseudopontal

http://www.museucasadopontal.com.br/pt-br/salve-o-museu-do-pontal

Esta entrada foi publicada em Cultura, Meio Ambiente, Rio Antigo. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>