Blog

Rio Antigo, toda sexta!

Parte do antigo Cais da Imperatriz, projetado pelo arquiteto francês Grandjean de Montigny em 1843, foi encontrado durante as escavações para instalação das galerias pluviais na Avenida Barão de Tefé, parte da obra de revitalização da Zona Portuária. O tesouro arqueológico inclui também um pedaço do Cais do Valongo, onde desembarcaram milhares de escravos ilegais. O Cais da Imperatriz, construído para receber a futura Imperatriz Teresa Cristina, encobriu o Cais do Valongo.

Com as escavações, marcas do passado agora ficaram expostas. A historiadora Margareth da Silva Pereira, da Pós-Graduação da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFRJ, defende uma prospeção mais ampla na área e a integração da arqueologia urbana ao processo de renovação do Porto. Margareth lançou campanha, na Internet, pela preservação da história do Rio naquela região.

Foto de Marc Ferrez, c.18

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas a Rio Antigo, toda sexta!

  1. Denise disse:

    Belíssimo, não? Quem dera se conseguissem preservar o que ainda resta do patrimônio na região: histórico, arquitetônico, imaterial etc e as pessoas moradoras da Zona Portuária! Denise P. Firme

    • eliomar coelho disse:

      Assino embaixo, Denise. Preservar a arquitetura e a comunidade que lá vive e já construiu identidade e história nos bairros da Zona Portuária.

      Abs,
      Eliomar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>