Blog

Rio on Watch: história das urbanizações nas favelas parte II

“Essa é a parte II de uma série de três matérias, sobre a história da urbanização nas favelas do Rio de Janeiro.

Ande por uma favela no Rio hoje e você poderá observar corrimãos e escadas de concreto em meio aos becos mais orgânicos e a casas não tão simétricas. A menos que haja movimento de trabalhadores no local – ou dando uma pausa pro cafezinho – em macacões azuis e capacetes, esses recursos de infraestrutura foram provavelmente implementados pelo Favela-Bairro, programa de urbanização que ocorreu entre 1994 e 2008.

Antes do Favela-Bairro, obras de infraestrutura nas favelas cariocas criaram um total 200.000 metros de novas linhas de esgoto e a implementação de 31 programas de saúde comunitária em diferentes bairros. A reforma da Constituição brasileira de 1988 estabeleceu o direito ao usucapião, o direito a se manifestar livremente, e o direito de ir e vir. Entretanto, foi de fato o Plano Diretor da cidade em 1992, que primeiro declarou abertamente nos artigos 148 e 151 o objetivo de “integrar as favelas à cidade formal” e “preservar seu caráter local”. Este foi um grande avanço em relação ao Código de Obras de 1937, cuja linguagem tratava a favela como “aberração”.”

Leia, na íntegra, a parte II da reportagem “A história da urbanizações das favelas – Favela-Bairro (1988/2008)”, produzida pelo site Rio on Watch

Para ler a parte I clique aqui

Esta entrada foi publicada em Blog. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas a Rio on Watch: história das urbanizações nas favelas parte II

  1. Pingback: Rio on Watch: história das urbanizações nas favelas parte III | Eliomar Coelho - PSOL - O vereador do Rio

  2. Pingback: Rio on Watch: história da urbanização nas favelas | Eliomar Coelho - PSOL - O vereador do Rio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>