Notícias

SOS Cultura

Levantamento orçamentário feito pela nossa equipe e o que ouvimos nas Audiências Públicas que fizemos em todas as regiões do estado comprovam como é calamitosa a situação da cultura, principalmente no interior.

Os trabalhadores resistem e se viram para não deixar a cultura se apagar, mas o caso das manifestações populares, afro-brasileiras e indígenas é mais grave ainda por se tratarem de patrimônio, que tem seus mestres como principal expressão. Com eles cada vez mais velhos e sem dinheiro, essas culturas correm o risco de se perderem.

Esta notícia também está no Facebook do Eliomar 

Esta entrada foi publicada em Cultura, Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>