Notícias

Urca preservada

icone-urbanismoDesde o início da década de 80 é notável a preocupação de setores da sociedade com o destino do patrimônio histórico, artístico, cultural, paisagístico, arquitetônico e ambiental da cidade. Alguns prédios e monumentos de valor inestimável ou incontestável foram tombados com o apoio de parlamentares da Câmara carioca sensíveis à preservação da cidade.

Destacam-se a transformação de Santa Teresa e Grumari em área de preservação ambiental, o tombamento dos prédios do Instituto Lafayette, do Teatro Copacabana e Hotel Copacabana Palace, a Escola Senador Correia, o Cinema Guaraci, dentre tantas iniciativas visando a conter o “progressismo” destruidor de nossa história, de nossa cultura, de nosso desenvolvimento e descaracterizador dos aspectos físicos e arquitetônicos de nossa outrora cidade maravilhosa.

Apresentei projeto de lei que visa tombar construções situadas na Urca que fazem parte da paisagem do bairro e são importantes símbolos da cidade: o antigo Cassino da Urca, a Amurada da Urca, a ponte na Avenida Portugal e o Quadrado da Urca.

O prédio da Avenida João Luiz Alves, nº 13, onde funcionaram o antigo Cassino da Urca e a TV Tupi, integra o Decreto 7451 de 03 de março de 1988, sendo, por tanto, protegido. Mas as notícias de que o prédio deverá abrigar o Istituto Europeo di Design, justificam minha proposta uma vez que o decreto não prevê instrumentos que protejam o bem e seu entorno dos impactos que uma alteração de uso possa provocar. Por fim, cabe ressaltar a ativa participação da população da Urca na produção do projeto de lei.

Participei, junto com a diretoria da Amour, de reunião sobre a instalação do IED com os secretários municipais da Casa Civil, Pedro Paulo Teixeira, do Meio Ambiente, Carlos Alberto Vieira Muniz, e de Transportes, Alexandre Sansão. Fomos informados que Conselho Municipal de Meio Ambiente da Cidade do Rio de Janeiro (CONSEMAC) deu parecer contrário à utilização do imóvel pela escola. A Prefeitura nos assegurou que não concedera alvará de funcionamento ao instituto até que se chegue a uma conclusão sobre a viabilidade ou não de sua permanência no local.

O mais importante a se destacar é que os moradores da Urca não querem o IED. A Associação de Moradores da Urca (AMOUR) já coletou 1500 assinaturas reais e 300 virtuais para um abaixo assinado contra a instalação do IED. A Amour sustenta, com base em documentos, que a Urca não suportará o impacto que será causado pelo funcionamento da escola. Cabe ao Poder Público, tanto Legilativo quanto Executivo, não ignorar o clamor da sociedade.

E você, concorda com a instalação do IED na Urca? Participe da enquete.

Esta entrada foi publicada em Notícias, Urbanismo e marcada com a tag , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

14 respostas a Urca preservada

  1. Maria Matina disse:

    Sou moradora da Urca e sou ativa na luta de ” Não cabe o IED na Urca” estou muito feliz com o apoio do Eliomar na nossa caminhada, espero que com a sua ajuda consigamos dar ao antigo Cassino da Urca um fin que se ajuste com as limitações do bairro!!
    Obrigada por suas belas e concretas palavras!

    • eliomar coelho disse:

      Cara Maria,

      Hoje será votado projeto de lei de minha autoria que preserva o Cassino e o bairro da Urca, assunto de nota que postei hoje no blog. Vamos fazer pressão e garantir a aprovação do projeto.

      Abs,

      Eliomar

  2. Raul A. de A. Mesquita disse:

    Morador da URCA há mais de 50 anos , bairro primordialmente residêncial , com pouco comercio ,onde se situa o PREDIO que abrigou o CASSINO da URCA e,mais tarde, a TV TUPY,está sendo violentado com a tentativa de ali funcionar o IED. Este INSTITUTO que abrigará , cerca de 1000 frequentadores diariamente ( alunos, professores, empregados e visitantes ) tornará o BAIRRO inabitavel pelo aumento do tráfego de onibus , automóveis e pedestres.
    A CONCESSÃO feita pelo Prefeito Cezar Maia , ilegalmente, por 50 anos para o IED ali se instalar,está revoltando os habitantes locais. Não existe estacionamento de veículos que atenda a demanda imaginada . A obra está,desde o começo ,sendo feita a toque de caixa para tornar o fato consumado. O Projeto obrigatório de IMPACTO AMBIENTAL
    Jamais foi feito e ,neste momento, estão colocando um QUEBRA MOLAS na rua por onde flui todo o trânsito de automóveis, onibus e caminhões , com grandes possibilidades de ocorrer um desastre! ( 07 / 05 / 2009 )

    • eliomar coelho disse:

      Caro Raul,

      Hoje será votado projeto de lei de minha autoria que preserva o Cassino e o bairro da Urca, assunto de nota que postei hoje no blog. Vamos fazer pressão e garantir a aprovação do projeto.

      Abs,

      Eliomar

  3. beatriz kamergorodski disse:

    Os que apoiam o IED na URCA argumentam que o prédio do Cassino estava sujo e feio, eles não se deram conta que agora eles não vão poder entrar nem sair da URCA (qd o caminhão de lixo passa ninguém pode passar,na URCA só tem uma rua de entrada e uma de saída) pois não existe lugar para estacionar, e não vão poder dormir pois o Belmonte mesmo qd fecha não pode tirar os jovens que continuam “batendo papo” sem deixar ninguém dormir. Eles não se deram conta de que a nossa luta é para conservar a qualidade de vida de um dos poucos Bairros preservados que restam na nossa cidade.

    É para isto que temos lutado : por uma URCA agradável para todos os moradores do Rio e para todos os que nos visitam
    Quero deixar o meu agradecimento e os parabéns ao vereador Eliomar por estar conosco nesta luta que é antes de tudo: PELA LEGALIDADE!

    • eliomar coelho disse:

      Cara Beatriz,

      Hoje será votado projeto de lei de minha autoria que preserva o Cassino e o bairro da Urca, assunto de nota que postei hoje no blog. Vamos fazer pressão e garantir a aprovação do projeto.

      Abs,

      Eliomar

  4. Lilibeth Cardozo Roballo Ferreira disse:

    Parabéns Eliomar, por seu texto e por sua luta. Sou sua eleitora e com ações como esta reafirmo minha confiança no seu trabalho. Se o tombamento acontecer ganhamos força para preservarmos a Urca. Continuamos contando com você e vamos comemorar DENTRO de um bar.
    Um abraço
    Lilibeth

    • eliomar coelho disse:

      Cara Lilibeth,

      Hoje será votado projeto de lei de minha autoria que preserva o Cassino e o bairro da Urca, assunto de nota que postei hoje no blog. Vamos fazer pressão e garantir a aprovação do projeto. E, depois, vamos comemorar…

      Abs,

      Eliomar

  5. Valdo Felinto disse:

    Prezado Eliomar,

    Já ouvi de você que não há o que agradecer pois apenas cumpre com zelo o compromisso de seu mandato. O agradecimento que lhe fazemos, no entanto, é justamente por isto, por permanecer íntegro e atento neste tempo de desesperanças e confianças partidas.
    Isto renova nosso ânimo.
    Cada comunidade tem que assumir o seu papel de parceria e co-responsabilidade. É o que estamos fazendo aqui na Urca, compreendendo que nossas lutas locais tem o ordenamento da cidade como objetivo maior.
    Que seu projeto seja aprovado e signifique um primeiro passo afirmativo para que a Urca assuma seu destino de bairro-patrimônio.
    Aqui a cidade nasceu.
    Aqui ainda se encontram as referências perdidas de qualidade, escala, e equilíbrio urbano/ambiental que a tornavam maravilhosa.
    Reitero meu voto e minha admiração por seu trabalho.
    Grande abraço,

    Valdo Felinto
    Arquiteto e morador da Urca

    • eliomar coelho disse:

      Caro Valdo

      Hoje será votado projeto de lei de minha autoria que preserva o Cassino e o bairro da Urca, assunto de nota que postei hoje no blog. Vamos fazer pressão e garantir a aprovação do projeto.

      Abs,

      Eliomar

  6. Norma Schmitz disse:

    Prezado Eliomar

    Como é bom encontrar um representante da população entendendo a angústia da ameaça que cerca os moradores da Urca, transformando-a em ação política.

    Moro neste bairro há 39 anos e acredito que ninguém daquí estava satisfeito de ter como vizinho o monstro deteriorado e podre em que se transformou o abandonado prédio da antiga TV Tupi.

    Ansiávamos por uma reforma. Era urgente dar-se um destino digno ao local que foi tão importante e marcou a vida da cidade do Rio de Janeiro e de tanta gente.

    O que não podiamos imaginar é que em troca da esperada melhoria, o “magnânimo” prefeito Cezar Maia, sem nenhum cuidado com a Urca, fizesse esta doação ilicita que, se concretizada, poderá destruir a maior característica do bairro que é sua singela organização.

    Este bairro faz parte da história do Rio de Janeiro e deve ser preservado.

    A Urca não suporta nenhum grande evento popular por contar com apenas uma única via de entrada e uma de saída. Sendo assim não será possível conviver com um movimento DIÁRIO de cerca de MAIS MIL PESSOAS.

    Além disso, quase já não dispõe de espaço para estacionamento dos carros de seus próprios moradores, uma vez que muitos de seus prédios antigos não tem vagas de garagem.

    A Urca é um bairro para ser visitado, admirado, curtido e não, invadido.

    Parabéns pelo seu trabalho, você é nossa voz na Câmara dos Vereadores, conte com todo meu apoio.

    Norma Schmitz
    Assistente Social

    • eliomar coelho disse:

      Cara Norma,

      Hoje será votado projeto de lei de minha autoria que preserva o Cassino e o bairro da Urca, assunto de nota que postei hoje no blog. Vamos fazer pressão e garantir a aprovação do projeto.

      Abs,

      Eliomar

  7. beatriz kamergorodski disse:

    Caro Eliomar, coletando assinaturas para o seu projeto
    no Caminho do Bemtevi, escutei mais de uma vez:
    “Se é projeto do Eliomar assino até sem saber pra que, pq confio nele. É dos poucos honestos na nossa política”

    Fiquei muito orgulhosa e espero que saiamos todos vitoriosos
    com a aprovação do seu projeto
    um abraço, beatriz

    • eliomar coelho disse:

      Cara Beatriz,

      Obrigado pelo comentário. A votação do projeto de lei que preserva a Urca foi adiada para hoje. Vamos fazer pressão e emplacar esta lei tão importante para o bairro.

      Abs,

      Eliomar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>